Clarice “Mestre” Lispector

9 fev

“Já escondi um amor com medo de perdê-lo, já perdi um amor por escondê-lo. Já segurei nas mãos de alguém por medo, já tive tanto medo, ao ponto de nem sentir minhas mãos. Já expulsei pessoas que amava de minha vida, já me arrependi por isso. Já passei noites chorando até pegar no sono, já fui dormir tão feliz, ao ponto de nem conseguir fechar os olhos. Já acreditei em amores perfeitos, já descobri que eles não existem. Já amei pessoas que me decepcionaram, já decepcionei pessoas que me amaram. Já passei horas na frente do espelho tentando descobrir quem sou, já tive tanta certeza de mim, ao ponto de querer sumir. Já menti e me arrependi depois, já falei a verdade e também me arrependi. Já fingi não dar importância às pessoas que amava, para mais tarde chorar quieta em meu canto. Já sorri chorando lágrimas de tristeza, já chorei de tanto rir. Já acreditei em pessoas que não valiam a pena, já deixei de acreditar nas que realmente valiam. Já tive crises de riso quando não podia. Já quebrei pratos, copos e vasos, de raiva. Já senti muita falta de alguém, mas nunca lhe disse. Já gritei quando deveria calar, já calei quando deveria gritar. Muitas vezes deixei de falar o que penso para agradar uns, outras vezes falei o que não pensava para magoar outros. Já fingi ser o que não sou para agradar uns, já fingi ser o que não sou para desagradar outros. Já contei piadas e mais piadas sem graça, apenas para ver um amigo feliz. Já inventei histórias com final feliz para dar esperança a quem precisava. Já sonhei demais, ao ponto de confundir com a realidade… Já tive medo do escuro, hoje no escuro “me acho, me agacho, fico ali”. Já cai inúmeras vezes achando que não iria me reerguer, já me reergui inúmeras vezes achando que não cairia mais. Já liguei para quem não queria apenas para não ligar para quem realmente queria. Já corri atrás de um carro, por ele levar embora, quem eu amava. Já chamei pela mamãe no meio da noite fugindo de um pesadelo. Mas ela não apareceu e foi um pesadelo maior ainda. Já chamei pessoas próximas de “amigo” e descobri que não eram… Algumas pessoas nunca precisei chamar de nada e sempre foram e serão especiais para mim. Não me dêem fórmulas certas, porque eu não espero acertar sempre. Não me mostre o que esperam de mim, porque vou seguir meu coração! Não me façam ser o que não sou, não me convidem a ser igual, porque sinceramente sou diferente! Não sei amar pela metade, não sei viver de mentiras, não sei voar com os pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma para SEMPRE! Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes. Tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos. Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer: – E daí? Eu adoro voar!”

— Clarice Lispector

Valentine’s Day

6 fev

O dia dos namorados americano, conhecido como Valentine’s Day, esta chegando. Lá a comemoração é diferente do nosso 13 de junho, é um dia para celebrar o sentimento geral do amor. Ou seja, não é necessário ter um namorado ou namorada, você pode presentear qualquer pessoa que você ama. Mas é claro que o foco é sempre nos casais, né? Então aqui vão algumas dicas legais sobre o que dar de presente ao seu amado no dia 14 de fevereiro. O artista Bélgico Brusse criou o projeto “Extraordinary ways to surprise the one you love: Love Injections” que conta com 100 idéias super criativas de como surpreender quem você ama. O objetivo principal além de inspirar as pessoas a fazerem algo inovador, é demonstrar como o amor pode ser representado de diversas formas. Brusse diz sobre o projeto: “Inspire yourself and inject love into your own world“, e além disso, lançou um livro com as 100 diferentes formas criativas de se dizer “eu te amo”. Eu achei SUPER criativo e amei!! Seguem algumas delas:

ANGLES

31 jan

No mês de janeiro foi divulgado que no dia 22 de março ocorrerá o lançamento do quarto album de nada mais nada menos que uma das melhores bandas alive… THE STROKES.

O título do album da banda liderada por Julian Casablancas se chamará Angles.

“Ele veio de cinco pessoas diferentes. Esta é a primeira vez que estamos trabalhando de maneira verdadeiramente democrática. Levou muito tempo porque é um modelo novo para nós” – explica o guitarrista, Albert Hammond Jr.

O primeiro single “Undercover Of Darkness” será lançado em fevereiro. Outras músicas do album são: “Taken for a Fool”, “Life is Simple”, “Machu Picchu”, “Radio Minor Madness” e “Call Me Back”.

Além dessa maravilhosa novidade, o grupo prometeu que a banda não vai demorar tanto tempo para gravar um próximo álbum. O último, “First Impressions of Earth”  é de 2006. Esperemos, né?

Promo Trailer – 2011 Academy Awards hosts James Franco & Anne Hathaway

30 jan
27 jan

Acabei de encontrar um site super interessante que eu não sabia que existia!! O nome dele é “Difference Between” e nele você pode pesquisar a diferença entre qualquer coisa que você quiser. E é simples! Você escreve algo que você queira saber a diferença na homepage e clica search. O site procura e te mostra todos os resultados que possuam ao menos um dos termos da sua procura. Achei muito legal e super útil! Mas é em inglês!

http://www.differencebetween.net/

Indicados ao OSCAR 2011

25 jan
Copiando e colando… Não vi quase nenhum destes filmes, estou muito atrasada para opinar… Porééém, amei essas indicações: Natalie Portman, Jesse Eisenberg, Colin Firth, James Franco, Amy Adams, Christian Bale e Mark Rufallo

Best Picture

‘Black Swan’
‘The Fighter’
‘Inception’
‘The Kids Are All Right’
‘The King’s Speech’
‘127 Hours’
‘The Social Network’
‘Toy Story 3’
‘True Grit’
‘Winter’s Bone’

Best Director

Darren Aronofsky – ‘Black Swan’
David O. Russell – ‘The Fighter’
Tom Hooper – ‘The King’s Speech’
David Fincher – ‘The Social Network’
Joel and Ethan Coen – True Grit’

Best Actress

Annette Bening – The Kids Are All Right’
Nicole Kidman – ‘Rabbit Hole’
Jennifer Lawrence – ‘Winter’s Bone’
Natalie Portman – ‘Black Swan’
Michelle Williams – ‘Blue Valentine’

Best Actor

Javier Bardem – ‘Biutiful’
Jeff Bridges – ‘True Grit’
Jesse Eisenberg – ‘The Social Network’
Colin Firth – ‘The King’s Speech’
James Franco – ‘127 Hours’

Best Supporting Actress

Amy Adams – ‘The Fighter’
Helena Bonham Carter – ‘The King’s Speech’
Melissa Leo – ‘The Fighter’
Hailee Steinfeld – ‘True Grit’
Jacki Weaver – ‘Animal Kingdom’

Best Supporting Actor

Christian Bale – ‘The Fighter’
John Hawkes – ‘Winter’s Bone’
Jeremy Renner – ‘The Town’
Mark Ruffalo – ‘The Kids Are All Right’
Geoffrey Rush – ‘The King’s Speech’

Best Foreign Language Film

‘Biutiful’ -Mexico
‘Dogtooth’ – Greece
‘In a Better World’ – Denmark
‘Incendies’ – Canada
‘Outside the law’ – Algeria

Best Film Editing

‘Black Swan’ -Andrew Weisblum
‘The Fighter’ – Pamela Martin
‘The King’s Speech’ – Tariq Anwar
‘127 Hours’ – Jon Harris
‘The Social Network’ – Angus Wall & Kirk Baxter

Best Documentary Feature

‘Exit Through the Gift Shop’
‘Gasland’
‘Inside Job’
‘Restrepo’
‘Waste Land’

Best Animated Feature Film

‘How to Train Your Dragon’
‘Illusionist’
‘Toy Story 3’

Best Visual Effects

‘Alice in Wonderland’ – Ken Ralston, David Schaub, Carey Villegas & Sean Phillips
‘Harry Potter and the Deathly Hallows Part 1’ – Tim Burke, John Richardson, Christian Manz & Nicolas Aithadi
‘Hereafter’ – Michael Owens, Bryan Grill, Stephan Trojanski & Joe Farrell
‘Inception’ – Paul Franklin, Chris Corbould, Andrew Lockley & Peter Bebb
‘Iron Man 2’ – Janek Sirrs, Ben Snow, Ged Wright & Daniel Sudick

Best Original Song

‘Coming Home’ from ‘Country Strong’ – Music and Lyric by Tom Douglas, Troy Verges and Hillary Lindsey
‘I See the Light’ from ‘Tangled’ – Music by Alan Menken Lyric by Glenn Slater
‘If I Rise’ from ‘127 Hours’ – Music by A.R. Rahman Lyric by Dido and Rollo Armstrong
‘We Belong Together’ from ‘Toy Story 3’ – Music and Lyric by Randy Newman

Best Original Score

‘How to Train Your Dragon’ – John Powell
‘Inception’ – Hans Zimmer
‘The King’s Speech’ – Alexandre Desplat
‘127 Hours’ – A.R. Rahman
‘The Social Network’ – Trent Reznor and Atticus Ross

Best Cinematography

‘Black Swan’ – Matthew Libatique
‘Inception’ – Wally Pfister
‘The King’s Speech’ – Danny Cohen
‘The Social Network’ – Jeff Cronenweth
‘True Grit’ – Roger Deakins

Carrie Bradshaw’s perfect life!

18 jan

Comecei a assistir Sex and the City há pouco tempo, ainda estou na primeira temporada. Mas estou com uma dúvida… A Carrie é escritora e tem uma coluna… Ate aí tudo bem. Mas da onde é a coluna? Da Vogue? E como funciona? Não explicam isso no seriado, ela pode escrever o que ela bem entender? Ela só escreve da vida dela, a coluna na verdade é um diário.. Isso é muito fácil!!!!! ! Ela nem frequenta o escritório… Aliás, o escritório é a casa dela!! Quem me dera ter um emprego desses… Em Nova Iorque então, imagina só.. É a vida dos meus sonhos!!!!

Mas estou adorando o seriado no geral, primeiro por ser em Nova Iorque e segundo por ser totalmente realista!!!!!

Just wondering… Porque será que os homens são tão enigmáticos? E porque é tão impossível entende-los? Ai ai…

Golden Globes 2011 – Looks

17 jan

Seguem alguns looks do 68th Golden Globe 2011 que aconteceu ontem a noite em Los Angeles. Muita cor, algumas vibrantes, mas a maioria lembrando a estação da primavera. Mais uma vez o site que eu gosto fez uma ótima seleção dos preferidos, então tive que copiar e colar (primeira foto)… Minhas preferidas foram Leighton Meester, Scarlett Johansson e Lea Michelle (amei esses três!!).

Outra coisa que eu amei que aconteceu ontem foi o Chris Colfer do Glee (Trent Reznor) ter levado o award de supporting actor. Eu adoro ele!! E amei a speech que ele deu citando bullying nas escolas, “the kids that our show celebrates that are constantly told no by bullies in their school and they can’t be who they are…Well, screw that, kids.”, super emocionante!! Segue o vídeo…

A Videira Verdadeira

26 dez

Acabo de receber esse e-mail e não resisti. Vou ter que postá-lo aqui, principalmente no dia de hoje! Feliz Natal à todos!!!

Jesus é a videira verdadeira, de modo que todo aquele que está conectado a ele é nutrido de força e esperança, tornando parte de um corpo muito maior que chamamos de Igreja – Corpo de Cristo (Efésios 2:19,21-22) – que nada mais é do que uma multidão de amigos verdadeiros que juntos vivem a vida “nua e crua”, ou seja, a vida como ela é (Atos 2:42-47). Uma vida com Deus intermediada pela videira verdadeira, Jesus Cristo, o Nazareno, Judeu, Rabino, Deus.

É isso que Jesus Cristo quis dizer quando disse : “Eu Sou” (João 8:58). O evangelista nos revela em seus escritos, para o terror dos discípulos e desespero dos fariseus e simpatizantes que nutriam um certo ódio por Cristo. Afinal, diziam eles: “Pode vir alguma coisa boa de Nazaré?” (João 8:12: “Eu sou a luz do mundo”; João 10: “Eu sou a porta – que dá acesso para vida eterna”; João 10:11: “Eu Sou o bom pastor” – que já decidiu dar a vida por suas ovelhas; João 11: em meio à tristeza e à morte, ele diz: “Eu Sou a ressurreição e a vida”. Essas frases até hoje aquecem os nossos corações, porque o Judeu rabino de Nazaré é o próprio Deus encarnado! (Êxodo 3:14: “Eu Sou o que Sou” – Deus – Yavé).

Agora sim temos um pouquinho do sentimento daquele momento exato para observarmos a preciosidade do que Jesus está dizendo para o seu corpo, isto é, a igreja.

1. Jesus é a videira verdadeira

De modo que devemos estar conectados a ele com a nossa mente e coração. Devemos ser nutridos por sua ceiva, por sua água da vida! (João 4:10). Temos que entender de uma vez por todas que dependemos de Jesus para gerarmos frutos novos; vidas regadas pela ceiva da vida que vem da videira verdadeira, Jesus o Cristo. A sua Palavra nos nutri de forma que possamos ser geradores de frutos nutridos por Jesus. É a vida como ela é! É um processo pelo qual passamos, e precisamos para amadurecer. Há um tempo certo para isso, e não compete a nós julgarmos, pois somos ramos, iguais aos demais e precisamos de cuidados, porque precisamos produzir bons frutos. Também é verdade que um ramo ruim não gera fruto bom. Precisamos ser nutridos. Se o seu ramo não estiver recebendo a verdadeira ceiva da vida, ele secará. Por isso é necessário podar, eliminar os excessos para garantir a qualidade. O que precisamos entender é que este trabalho não é nosso; é o trabalho do agricultor. O nosso trabalho é de relacionarmo-nos com os demais ramos para estabelecer uma harmonia. Como, portanto, podemos estabelecer uma harmonia entre os ramos e a videira? Filipenses 2:2 explica: “Tendo o mesmo modo de pensar, o mesmo amor, um só espírito e uma só atitude”. Que tal esse desafio?

2. Deus é o agricultor, o Senhor da vinha

A vinha é um terreno no qual está plantado algumas videiras. O fato de Deus ser o senhor da vinha deve trazer-nos esperança, pois ele olha além do que somos, ou seja, ele vê o que poderemos ser em suas mãos. As videiras podem ser muito mais que meras videiras quando estas têm Deus como o seu agricultor. Este é de capaz vê-las como estarão há alguns anos.

Um ramo frágil que muitos de nós, às vezes, queremos desligar, cortar e atirar ao fogo, o agricultor poda, rega e fortifica, fazendo dele um ramo cheio de cachos que nos enche os olhos e valoriza a safra. Somos apenas um ramo em toda a vinha, porém conectados à videira verdadeira (Jesus), sob o cuidado do grande agricultor que é Deus.

3. Deus nos chamou para sermos amigos

A amizade, segundo a videira verdadeira- Cristo Jesus – é uma posição de lealdade e compromisso para com o próximo, porque entre amigos verdadeiros não existe diferença, preconceitos, apatia etc.

Quando olho para esse texto, encontro principalmente o conselho de como devemos ser como igreja, a saber, forte e frutífera, que busca a multiplicidade onde cada homem é sozinho, na casa da humanidade. O supremo agricultor quer mudar essa realidade. Como? Vivendo uma amizade leal, um relacionamento de amo, o que é totalmente possível.

Os ramos da videira verdadeira lutam para não se desconectar da fonte da ceiva da vida. O nosso chamado é aceitar o chamado da videira, para se relacionar, com o agricultor o Senhor da vinha. O Deus do cotidiano.

Deus abençoe a todos e sejam felizes.

O Natal

24 dez

O que é o Natal? Bem, para mim o Natal não é um dia ou uma comemoração, mas um sentimento. Sentimento de paz, de esperança, de renovação, de perdão, e, principalmente, de amor para o próximo.

A maioria das pessoas esquece qual o verdadeiro motivo de existir o Natal. Dia 25 de dezembro é o dia em que comemora-se o nascimento de Jesus Cristo. Então o Natal é uma data festiva? Sim, não deixa de ser uma comemoração. Mas o mais importante é o porquê. Quem foi Jesus Cristo? O que Ele pregava? Quais eram suas posturas ao lidar com pessoas, com problemas, com críticas? Porque que Ele veio ao mundo?

Jesus veio à Terra para trazer esperança. Em um mundo aonde o homem se tornava cada vez mais impuro, cada vez mais cego ao que realmente tem valor, nasceu Jesus. Ele veio para relembrar as pessoas do que realmente importa. E conseguiu. Por mais que muitas pessoas não acreditem que Ele tenha sido o filho de Deus, isso no fundo não importa!! O que importa é a pessoa que ele foi, sua inteligência. Ninguém pode negar que Jesus foi um exemplo a TODOS os seres humanos que habitam este planeta. Em todos os sentidos, desde aquela época até os dias de hoje.

Ele deu a mão a quem necessitava, sempre esteve disposto a ajudar seus amigos e inimigos. Não se considerava acima de ninguém. Não pedia nada, queria que o ouvissem mas nunca obrigou ninguém a segui-lo. Jesus sempre deu perdão aqueles que o criticavam, mesmo que não desejassem ser perdoados. Jamais foi movido por seu ego. Jesus era um ser simples, amoroso e bondoso. Em uma palavra, perfeito.

Ele perdoou quem cuspiu em sua cara e o crucificou… Porque você não pode perdoar o seu semelhante? Ao conhecer a história de Jesus acabo percebendo como somos mesquinhos e pequenos! Todos nós temos defeitos. A grande verdade é que ninguém é melhor que niguém. Precisamos aprender a nos respeitar e a aceitar o próximo. Podemos não concordar com a postura dos outros, mas devemos respeitá-la. Afinal, livre arbítrio é isso, cada um escolhe o seu caminho.

Acho que somos todos iguais, a única diferença que existe entre as pessoas é a sabedoria e o discernimento para diferenciar o que realmente importa na vida. A conta é: o valor que damos a família, amigos, conhecidos, desconhecidos, animais, etc… menos o valor que damos aos nossos bens materiais, imagem, aparência, dinheiro, etc. Se o resultado for positivo você esta no caminho certo.

Espero que esse post desperte em você uma vontade de se aproximar de Jesus e que a história Dele toque o seu coração e te influencie a melhorar. Que você passe a ajudar mais quem precisa, tenha mais boas ações, faça mais caridade… Um simples abraço, uma palavra de carinho ou um sorriso, vindos do coração, já bastam. É simples! Eu sei que ainda temos muito chão a seguir em busca da perfeição. E acho que a perfeição plena não se alcança. Mas o importante é seguir em frente! Ter Jesus como exemplo e mudar! Procurar evoluir sempre! Feliz Natal e que Jesus carregue toda sua família no colo ao soar da meia noite trazendo amor, conforto, esperança e união. Que Ele ilumine nossos caminhos em 2011! Seguiremos em frente em busca de um mundo melhor!

Fecho o post com algumas frases ditas pelo mestre Jesus…

“O olho é a lâmpada do corpo. Se teu olho é bom, todo o teu corpo se encherá de luz. Mas se ele é mau, todo teu corpo se encherá de escuridão. Se a luz que há em ti está apagada, imensa é a escuridão.”

“Vigiai e orai, para que não entreis em tentação; o espírito na verdade, está pronto, mas a carne é fraca… Na vossa paciência salvai vossas almas.”

“O que queres que os homens façam por ti, faça igualmente por eles.”

“De que vale ao homem conquistar todos os tesouros da terra e perder sua alma?”

“Ame a teu próximo como a ti mesmo e não faça aos outros o que não quer que façam contigo.”

“Ainda que eu falasse a língua dos homens e falasse a língua dos anjos, sem amor eu nada seria.”

%d blogueiros gostam disto: